O avanço do atraso

Não adianta mudar a cara do atraso.

Faço minhas as palavras do governador Flavio Dino: “Eu espero que ele reflita melhor sobre a história recente do Maranhão. E quem sabe consiga retomar o caminho correto”.

Ao contrário do que disse o governador, quem está fortalecendo o atraso no nosso Estado é ele próprio e o seu governo. É o avanço do atraso. E com um agravante, que é o de conjugar o atraso da gestão com o atraso ideológico.

Se tivesse feito o que prometeu no início, um choque de capitalismo, não haveria necessidade de oferecer ao nosso povo uma nova via política, de respeito à produção, de atração de investimentos, estímulo ao empreendedor e principalmente de não confundir o estado com o partido e realmente iniciar um projeto de desenvolvimento voltado para o desabrochar das forças produtivas, onde a exploração política da pobreza dê lugar à exploração econômica da riqueza.

Esse é o caminho para o verdadeiro desenvolvimento social que vai mudar a cara do Maranhão.Foto_batatas

tags:

Receba Publicações

Estudantes de Direito que têm interesse em receber o exemplar do Novo Código de Processo Civil (CPC), cadastrem-se e recebam gratuitamente.

Cadastre e receba
Para sugerir um projeto, enviar um recado ou pedir uma entrevista.