Conheça a realidade da merenda escolar no Brasil

Página no Facebook denuncia baixa qualidade

Como forma de denunciar a qualidade (e a quantidade) de alimento oferecida aos estudantes brasileiros foi criada uma página de Facebook chamada “Diário da Merenda”. Nela, alunos de escolas de diversas partes do país fotografam e comentam a merenda que recebem em suas escolas na rede pública de ensino.

Merenda Escolar

De uma maneira por vezes irônica e por outras com tintas mais críticas, a página “Diário da Merenda” expõe a realidade do ensino público brasileiro. Mais que isso: apresenta em cores vivas os contrastes de uma escola para outra. A variação vai desde algumas que oferecem refeição completa, com feijão, arroz e até suco natural, a outras, que disponibilizam apenas suco de caixinha e biscoitos

Para além do flagrante déficit nutricional de alguns lanches e refeições oferecidos, vem à tona com as postagens a falta de variedade dos alimentos: todos os dias são servidos os mesmos produtos. É preciso ter em mente que para muitas crianças a merenda é um importante complemento calórico em sua dieta diária – para outras tantas, é a única refeição oferecida ao longo do dia.

Você sabia que o senador Roberto Rocha (PSDB/MA) possui um projeto que pode modificar essa realidade?

O PLS 217/2015 dobra o valor destinado à merenda dos estudantes da rede pública nos municípios considerados de extrema pobreza. De acordo com a proposta, são considerados de extrema pobreza aquelas municipalidades em que 30% ou mais da população está cadastrada nos programas Brasil Sem Miséria ou Bolsa-Família.

CLIQUE AQUI E CONHEÇA O PROJETO QUE DOBRA O VALOR DA MERENDA

Receba Publicações

Estudantes de Direito que têm interesse em receber o exemplar do Novo Código de Processo Civil (CPC), cadastrem-se e recebam gratuitamente.

Cadastre e receba
Para sugerir um projeto, enviar um recado ou pedir uma entrevista.