A construção de pontes de madeira com recursos da União será proibida em todo o país caso seja aprovado o Projeto de Lei (PL) 3.981/2019. De autoria do senador Roberto Rocha (PSDB), a proposta que dá fim as pontes de madeira está pronta para ser votada na Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI).

O parlamentar argumenta que ainda há vias e rodovias no país que contam com pontes de madeira, muitas vezes em situação precária e com pouca ou nenhuma manutenção. De fato, isso tudo dificulta o tráfego e o escoamento de cargas. Ele lembra que são recorrentes as notícias sobre desabamentos ou interdições de pontes.

Ponte de madeira

No interior do Maranhão, estrutura de madeira não suporta o peso do caminhão e cede. Situação é caótica em todos os estados brasileiros.

Seu projeto determina que, preferencialmente, as pontes sejam construídas em concreto, aço ou material de comprovada segurança e durabilidade.

Desse modo, Roberto Rocha ressalta que a técnica para construção de estruturas de aço e concreto é amplamente dominada no país. Também não falta material e mão-de-obra disponíveis, mesmo para os locais mais remotos.

Em “casos fortuitos” ou de força maior, a proposta permite a construção de pontes de madeira em caráter provisório — a sua substituição deverá ocorrer em até 365 dias. E as pontes de madeira já existentes poderão ser mantidas até o esgotamento de sua vida útil.

O texto estabelece ainda que serão preservadas as pontes de madeira tombadas pelo patrimônio histórico e igualmente para as pontes construídas para resgate histórico.

O projeto será analisado na CI em caráter terminativo. Portanto, quando aprovado nessa comissão, seguirá direto para a apreciação da Câmara dos Deputados (a menos que haja recurso para votação do texto no Plenário do Senado).

Fonte: Agência Senado

Pontes de Madeira X Projeto Travessia

Está em curso no Governo Federal, o “Projeto Travessia: pontes para o progresso”, idealizado pelo senador Roberto Rocha. Em suma, a intenção é substituir todas as pontes de pinguela pelas de concreto e aço.

Com o Projeto Travessia, o Maranhão criará uma rede extensa e confiável para assegurar o direito de ir e vir e iniciará um círculo virtuoso ao tirar grandes populações condenadas ao isolamento e à completa falta de perspectiva de se integrar ao mundo da produção.

Conheça aqui o Projeto Travessia: Ponte para os maranhenses