Respiradores para o Maranhão

Senador Roberto Rocha viabiliza 50 aparelhos via Governo Federal.

Compromisso cumprido! Após o senador Roberto Rocha se reunir na semana passada com o presidente Jair Bolsonaro e solicitar a ele 50 respiradores para o Maranhão, o município de Balsas recebeu nesta sexta-feira (12), dez novos respiradores oriundos do Ministério da Saúde.

No ofício enviado ao presidente da República, 30 respiradores serão para atender a rede estadual e os outros 20 para prefeituras. No caso de Balsas, cinco aparelhos vão reforçar os leitos de UTI e os outros cinco vão ser utilizados em unidades móveis de urgência, quando o paciente precisar ser transferido de uma UTI para outra, conforme a demanda.

Dessa forma, o Hospital Regional passará a ter um reforço na oferta de leitos.

“Eu quero agradecer ao presidente Bolsonaro pela autorização de envio de 50 respiradores ao Maranhão para ajudar a salvar vidas. O Maranhão já tem mais mortes que as regiões Sul e Centro-Oeste juntas, infelizmente”, disse o senador.

Para o prefeito de Balsas, Érik Silva, os aparelhos chegam em boa hora.

“São respiradores novos e de excelente marca. Nesse sentido, firmamos um convênio com o Governo do Estado para abertura de leitos no Hospital Regional, afirmou.

O secretário municipal de Saúde Raílson Félix reconheceu o empenho do senador Roberto Rocha.

Fomo agraciados com a chegada desses novos respiradores. Assim, vamos aumentar a capacidade de leitos de UTI e, assim, toda a população será beneficiada”, comemorou.

O diretor do Hospital Regional em Balsas, Eliab Aguiar, também agradeceu o empenho do parlamentar.

“Agradeço ao senador Roberto Rocha e ao presidente da República que se comprometeram com a saúde do Maranhão. Agora vamos montar os aparelhos para ofertar mais UTIs à população”, disse.

Lambança dos governadores

Os novos e modernos aparelhos chegaram muito antes daqueles prometidos pelo consórcio formado pelos governadores do Nordeste, quando resolveram pagar adiantado por equipamentos que nunca chegaram ao Brasil. Ou seja, com dinheiro público, o povo tomou o calote.

“Nós vamos ajudar a salvar vidas via Governo Federal”, finalizou Roberto Rocha.

Leia mais: Senador Roberto Rocha viabilizou mais 20 leitos de UTI para Caxias